• Ana_Freitas/Wesley_Cardoso

Prefeitura de Epitaciolândia assina termo de cooperação com Incra




Epitaciolândia foi o primeiro município do Alto Acre a assinar com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) o acordo de cooperação técnica para garantir crédito para produtores rurais que moram em áreas de assentamento.


Os moradores terão acesso aos créditos de Instalação inicial R$ 6.200, fomento R$ 6.400 e terão 2 anos para carência e será devolvido 10% e fomento mulher R$ 5.000 com 1 ano de carência e devolução de 20%.



A meta do Incra e prefeitura é atender 300 famílias de assetados ou mais. Na manhã desta quarta-feira dia 16/06, o Prefeito Sérgio Lopes, Moises Barros de Medeiros Analista em reforma e desenvolvimento agrário, o Superintendente Regional do Incra Sergio Bayum, José Ronaldo Pessoa Pereira Secretário de Agricultura e Abastecimento, Luiza Carlota Vice-presidente da Amopreb, Sebastião Ferreira Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Epitaciolândia e o Vereador de base, José Antônio (Nego), Nemezio Duran Diretor do Incra no Alto Acre, assinaram o Termo de Cooperação Técnica para liberar os referidos créditos para as famílias cadastradas.


o Superintendente Regional do Incra Sergio Bayum falou da importância desses créditos para melhorar a renda das famílias rurais que vivem em assentamentos. “A liberação desses créditos vai alavancar a economia local, e essa parceria com a prefeitura é fundamental para que possamos chegar ao maior numero de pessoas possível, por isso quero externar minha gratidão ao prefeito Sérgio Lopes por disponibilizar servidores e apoio para o cadastramento dessas famílias.”


O Prefeito Sérgio Lopes agradeceu ao Incra por firmar essa parceria com o município.

“Queremos agradecer ao Incra por firmar esse convênio que vai trazer melhoria de vida para nossas famílias rurais, sabemos que o dinheiro desses créditos vai girar e aquecer a economia local, estamos disponibilizando dois servidores para fazer o cadastro das famílias e vamos dar todo o apoio para que possam ultrapassar a meta de 300 famílias atendidas.” Frisou Lopes.


Nesse primeiro momento 26 famílias já estão aptas a receber os créditos do Governo federal via Incra.


0 comentário