top of page
  • ASSEMCOM

Epitaciolândia é destaque e alcança o 1º Lugar no índice de qualidade da educação (IQEM) no Estado


A Secretaria Estadual de Educação (SEE) publicou no Diário Oficial desta terça-feira, 14, o Índice da Qualidade da educação Municipal (IQEM) apurado em 2023, referente ao ano base 2022.

O índice é importante, entre outras coisas, para definição dos repasses de Participação dos Municípios no Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transportes Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (IPM/ICMS) a ser realizada em 2023, para aplicação no próximo ano.


Conforme a publicação, o índice final leva em conta a média do IDEB, o nível sócio econômico, número de alunos matriculados e o índice padronizado da educação municipal.


Em relação ao IDEB, por exemplo, a capital, Rio Branco é a melhor avaliada, com nota 5,7. Epitaciolândia fica com nota 5,3 e, somando a outros fatores que medem a qualidade e avanços da educação de forma geral alcançou o 1º Lugar a nível de estado.


O prefeito Sérgio Lopes comemorou a colocação em primeiro lugar, enfatizou que esses avanços, são frutos de uma política de valorização de professores e servidores da educação.


“Eu não tinha dúvidas que atingiríamos uma boa colocação, ao longo de três anos investimos muito na educação, sobretudo na valorização e qualificação de nossos professores e pessoal de apoio, a exemplo da saúde que hoje também ocupamos o 1º Lugar no estado, mostra que estamos no caminho certo, e, quem ganha com isso tudo é a nossa população. ” Pontuou.


O IQEM, por sua vez, tem em sua fórmula de cálculo a componente IDEPIM, parâmetro utilizado para a aferição do desempenho educacional das escolas e de cada uma das redes municipais às quais pertencem, além de acompanhar a qualidade do serviço educacional ofertado. São considerados três critérios principais: proficiência, taxa de participação e taxa de aprovação. *Fonte ME




0 comentário

留言


bottom of page